20181123JadoIberia 1 1024Os trabalhadores da Jado Ibéria não compreendem e não aceitam a decisão da multinacional Ideal Standard e decidiram, numa concentração à porta da fábrica, em Braga, avançar na luta pela manutenção dos postos de trabalho.
26.11.2018

 

Organizados no SITE Norte, os trabalhadores reuniram-se na sexta-feira, dia 23, de tarde, no exterior das instalações, em Nogueira. No comunicado que divulgou à comunicação social, o sindicato refere que a decisão de realizar este protesto foi tomada em plenário, no dia 22, para repudiar publicamente a «estratégia» patronal que ameaça mais de 70 postos de trabalho. Mas está em risco igualmente a perda de uma empresa quase centenária e de referência na fabricação de artigos sanitários, com uma importência significativa no tecido produtivo da região.

A Jado Ibéria é uma empresa com viabilidade, com lucros e que ainda há pouco tempo investiu em maquinaria, melhoramento de algumas secções e contratação de novos trabalhadores.

 

Ver também:
- Comunicado de imprensa das ORT da Jado Ibéria
- Nota da União dos Sindicatos de Braga

 

Imagens da concentração de dia 23
(clique numa imagem para ampliar)